Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Princesa da Casa

Eu sou a mãe, ela é a filha - a princesa. Embora às vezes os papéis se invertam!

A chucha? A chucha foi para a árvore!

Como deixar a chucha?

 

Há crianças que deixam a chupeta naturalmente, mas há outros que não a querem largar por nada (era o caso da princesa da casa). O processo deve ser gradual e é a própria criança que deve tomar a iniciativa com um empurrão dos pais, claro. Mas, nada de stress, tudo feito de forma natural e ao ritmo de cada criança!

 

Existe uma árvore mágica algures nos Olivais, na Quinta Pedagógica, que ajuda os meninos pequeninos a crescer... 

FB_IMG_1482418301691.jpg 18/12/2016

 

Pouco antes de a princesa B. completar os três anos disse-lhe que assim que fizesse anos iríamos colocar a chupeta na árvore das chuchas. Ela concordou!

Entretanto, o tempo passou e nada...Não a sentimos preparada, e ela própria dizia «Não mãe! Só quando eu for muito crescida!»

No domingo passado, pela manhã, enquanto conversávamos perguntei-lhe se queria entregar a chupeta ao pai Natal, aproveitando o espírito natalício, e ela argumentou: «Não. Na árvore das chuchas!» Então descobrimos que tinha chegado o momento! 

Assim que viu a árvore ficou encantada «Olha, aquela chucha é a minha!». Lembrou-se até de chupetas velhas que foram parar ao lixo há meses.

Primeiro fomos conhecer a quinta, visitar os animais, e só depois é que voltámos para prender as chuchas à árvore. A Beatriz estava tão alegre e entusiasmada, mas minutos depois apercebeu-se que tinha perdido as suas chuchas para sempre e arrependeu-se do grande feito! 

Ao fim do dia, perguntou-me se podíamos voltar para irmos buscar as chuchas… Expliquei-lhe que ela já era crescida e que como já tinha oferecido as chupetas, se as fosse tirar, a árvore ficaria triste e zangada, ao que ela exclama: «Mas, a árvore não tem olhos, nem boca, nem nariz?!».

 

Na escola as educadoras também valorizaram o acontecimento junto dos amigos e ela sentiu-se orgulhosa!

E aos poucos vai pedindo cada vez menos a chucha…

 

Confesso que até a mim me custou deixar as chuchas, sempre imaginei que esse dia seria muito complicado para ela porque era o seu miminho. Mas, sinto orgulho da minha filha porque deu um pequeno passo no seu crescimento!