Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Princesa da Casa

Eu sou a mãe, ela é a filha - a princesa. Embora às vezes os papéis se invertam!

A escolha da cadeira auto certa!

A escolha da cadeirinha certa é fundamental, uma vez que estamos a falar da segurança dos nossos filhos. A nova norma de homologação europeia (i-Size) obriga a manter a criança de costas para a estrada até aos 15 meses. Viajar voltado para trás é a melhor protecção que podemos dar às crianças, assim devemos mantê-las nessa posição até o mais tarde possível, há quem aconselhe até aos 3-4 anos. Isto porque ao transportarmos uma criança no automóvel de frente para o trânsito, o movimento da cabeça pode provocar lesões muito graves em caso de acidente.

No entanto, continua a ser legal comprar e usar cadeiras compatíveis com a norma antiga. A mudança para a nova norma será um processo gradual que irá prevalecer no futuro, até porque para a grande maioria dos modelos à venda estão homologados segundo a norma antiga. De acordo com a norma antiga, a escolha da cadeira é feita com base no peso da criança, desde que nasce até aos 12 anos ou 135 cm de altura. Assim, neste caso a criança irá precisar, no mínimo,  de duas cadeiras: uma do grupo 0+, desde recém-nascido até aos 13kg, voltada de costas para a estrada, e outra para depois dessa fase (grupo 1/2/3). Para a Deco esta será a opção mais económica e para grande parte das famílias portuguesas também. Mas, aqui o grande problema é que as cadeiras do grupo 1/2/3 não podem ser utilizadas no sentido inverso à marcha. 

É fundamental pesquisar, ler, ver o produto, verificar se é adequado para o nosso carro e só depois comprar. Caso não se adapte ao carro ou não seja confortável para criança, temos sempre a hipótese de trocar. Aqui o importante é mesmo pensar na segurança do nosso filho e comprar o melhor possível ao melhor preço possível. 

As dicas da princesa [1]

1 comentário

Comentar post