Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Princesa da Casa

Eu sou a mãe, ela é a filha - a princesa. Embora às vezes os papéis se invertam!

Então, porquê planear?

Há dias assim: dias em que curvo as costas, enlaço os braços à volta dos joelhos e poiso a cabeça nos cotovelos. Há dias em que desisto tudo e aceito que é o destino que controla a minha vida.

Eu tentei. Liguei, controlei tudo e todos, pedi, supliquei, fiquei até mais tarde, fiz, entreguei a horas, alertei... Mas, não correu bem. Há sempre uma variável que não consigo controlar! Há sempre alguma coisa que nos escapa e que simplesmente não depende de nós!

É difícil lidar com o erro dos outros quando nos esforçamos continuadamente para evitá-lo. É difícil lidar com o destino quando queremos apenas que tudo corra bem.

Então, porquê planear? Porquê tanta perseverança e precisão, se de um momento para o outro o plano/objectivo foge-nos das mãos...




"A Princesa da Casa" também está no Facebook

2 comentários

Comentar post