Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Princesa da Casa

Eu sou a mãe, ela é a filha - a princesa. Embora às vezes os papéis se invertam!

Festinha de Natal da B.

O orgulho dos pais é uma coisa que não tem explicação. Hoje assisti à primeira festa de Natal da B. (que orgulho), a B. tinha apenas que dançar, mas não o fez (que orgulho), a B. estava linda de verde e castanho com uma estrela na cabeça (que orgulho), a B. observou os colegas mais velhos a cantar e a dançar e olhou para a plateia com curiosidade (que orgulho), a B. sorriu quando todos bateram palmas (que orgulho)! O papá tirou fotos e filmou (que babado)!

É mesmo verdade que nos orgulhamos por tudo e por nada! É uma espécie de loucura paternal, algo sem explicação ou com uma daquelas explicações muito complicadas!

1 comentário

Comentar post