Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Princesa da Casa

Eu sou a mãe, ela é a filha - a princesa. Embora às vezes os papéis se invertam!

Já te disse que és o meu refúgio?

Conhecer-te fez-me bem, posso dizer que agora conheço-me como ninguém!

Sei o que quero, onde quero estar e com quem quero ficar!

Ter-te junto a mim, faz de mim alguém melhor: alguém com amor para dar, com paz, serenidade, força e humildade;

alguém que tem a cabeça no lugar e o coração nas tuas mãos!

Fica comigo, meu porto de abrigo!

 

Texto de Maria João Costa | segue-me também no Facebook