Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Princesa da Casa

Eu sou a mãe, ela é a filha - a princesa. Embora às vezes os papéis se invertam!

Soltem as palavras...

Não quero deixar palavras por dizer, quero soltá-las, deixá-las voar com o vento. Não importa se são palavras de dor, revolta, sofrimento ou de amor, alegria, vitória e reconhecimento. O que importa é falar no momento certo e não calar, não deixar as palavras presas aqui dentro.

Podem olhar-me com curiosidade e perguntar o porquê de tanta honestidade? Talvez seja louca, ingénua ou demasiado assertiva, mas o que eu não quero, é viver do arrependimento. Não sei o que me reserva o futuro, portanto, quero viver o hoje, agarrar o momento com ambas as mãos, e falar, dizer tudo o que sinto, posso até magoar quem me escuta, ou fazer feliz quem me ouve, o que importa é falar. Não quero deixar palavras por dizer, quero soltá-las, deixá-las voar com o vento.

"Amo-te."

"Preciso de um abraço!"

"Destesto isto!"

"Vou recomeçar"

"Quero ser feliz!"

"Beija-me, não percas tempo!"

annie-leibovitz03.jpg

 [Ficção - Be HAPPY]

 

Fotografia de Annie Leibovitz

11 comentários

Comentar post