Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Princesa da Casa

Eu sou a mãe, ela é a filha - a princesa. Embora às vezes os papéis se invertam!

14.11.18

Precisamos de mais solidariedade!

Maria João Costa
Não acham que existe uma falta de solidariedade tremenda nos dias de hoje? Existe falta de solidariedade e de altruísmo na sociedade. Às vezes parece que só praticamos o bem a troco de algo. Parece que andamos cada um de nós a puxar a corda para diferentes lados,  em vez de puxarmos a corda para um lado único e comum, para o bem de todos.   Não seria mais fácil, assim? É que um dia a corda estica tanto que parte!    Esta falta de solidariedade reflecte-se em tudo na (...)
06.11.18

Bolsonaro, o Presidente Pacificador?

Maria João Costa
Confesso que ando sempre a leste das notícias, e que pouco ou nada acompanhei as eleições no Brasil. Mas, fico chocada e apreensiva quando nos dias de hoje é eleito para Presidente alguém com opiniões tão controversas e ideias tão preconceituosas, em pleno século XXI.Será possível?O mundo anda mesmo do avesso, não existe um meio termo. Bolsonaro garantiu que quer "governar para todos" e ser um "pacificador", alguém acredita mesmo na parte do "pacificador"?
31.10.18

"Assim Nasce Uma Estrela"

Maria João Costa
"Assim Nasce Um Estrela", aqui está um daqueles filmes que no início nos dá o "sonho", a "magia", o "romance", o "acreditar que é possível" e no fim, tira-nos o tapete e caímos com a emoção. A verdade é que a fama tem dois lados, o bom e o mau. E durante o filme vamos percebendo que estamos sobre um drama eminente. Não conhecia a versão original, adorei o remake. Lady Gaga, no seu melhor como cantora e como atriz, e BradleyCooper, charmoso como habitual, não é cantor, mas (...)
26.10.18

Escrever faz-me tão feliz!

Maria João Costa
Há quem não tenha certezas quanto a isso. Mas, eu tenho, desde que me conheço. Escrever é daquilo que mais gosto de fazer na vida, é uma paixão tão grande. A escrita dá-me a realização que preciso para ser feliz, aquela felicidade instantânea com sabor a criação e a realização. E hoje tenho a certeza que seria tão mais feliz se conseguisse viver da escrita... só que não. Há quem o consiga fazer, mas essa sorte não a tenho, para já! Tenho outras, com certeza! Até (...)