Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Princesa da Casa

Eu sou a mãe, ela é a filha - a princesa. Embora às vezes os papéis se invertam!

Seg | 01.10.18

O poder da palavra

A palavra tem o poder. O poder de ferir, de magoar ou o poder de apaziguar e enaltecer.

Nos dias de hoje, parece que temos todos uma grande necessidade de falar, opinar, comentar, como se fossemos os donos da verdade absoluta. E muitas vezes falamos sem certezas e sem qualquer consciência daquilo que estamos a dizer.

As redes sociais mostram bem essa necessidade absurda de comentar só por comentar, ou comentar com a intenção de ofender e magoar. Quando, no Facebook, me deparo com uma publicação daquelas genéricas sobre a atualidade, seja uma fatalidade, um acontecimento político ou desportivo, assim que percorro alguns dos comentários, fico em choque com os comentários, as opiniões e as críticas ali debitadas, como se estivéssemos num meio de um teatro de guerra virtual em que a palavra é a arma nuclear!

A palavra tem o poder, portanto, usa-a conscientemente e com moderação.

Reflete, pensa, se aquilo que vais falar, opinar ou comentar não trouxer nada de novo, então não comentes. Aprende a ouvir o silêncio. A palavra tem poder, é certo, mas na maior parte das vezes o silêncio é o vencedor!

textgram_1537633947 (1).png